Publicações

Sábado, 18 Maio 2019 03:26

Segurança Patrimonial

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)

Em meados do século XX, o psicólogo norte-americano Abraham Maslow realizou uma série de pesquisas com alguns grupos de pessoas, a fim de identificar eventuais áreas de conflitos entre elas. As conclusões a que chegou ficaram conhecidas como a hierarquia de necessidades de Maslow ou simplesmente a pirâmide de Maslow,

que estabelece uma escala para os níveis de necessidades humanas, com as mais essenciais na base e as menos essenciais no topo. Está se perguntando por que trouxemos tudo isso à tona? Simples: logo acima das necessidades fisiológicas (aquelas fundamentais para a sobrevivência do homem, como o ato de respirar, matar a sede e se alimentar) estão as necessidades relacionadas à segurança do corpo, do emprego, dos princípios de moralidade, da família, da saúde e da propriedade!

Qual a importância da segurança patrimonial?
Além de preservar os valores mais evidentes de qualquer organização, representados tanto pelas pessoas como pelos bens materiais, a segurança patrimonial pode até garantir a continuidade dos processos em alguns segmentos empresariais. E esse fator a torna essencial inclusive do ponto de vista da estratégia produtiva. Já pensou, por exemplo, se ocorre um incêndio de grandes proporções ou se diversos veículos são furtados em uma transportadora? Essas fatalidades podem não só prejudicar como até mesmo paralisar as atividades do negócio, além de afetar a credibilidade da organização! E tudo isso pode ser evitado com a implementação de um sistema de segurança bem dimensionado.

Em tantos outros casos, a segurança patrimonial pode ser essencial para viabilizar a própria existência do negócio. Casas de câmbio, que lidam com bastante dinheiro vivo a todo momento, fábricas de joias e joalheria e empresas de equipamentos de tecnologia são alguns desses tipos de empresas que não podem prescindir da adoção de medidas de segurança patrimonial. Surge, então, a necessidade de se pensar nesses quesitos desde o início do projeto de implantação do ponto comercial.

Na prática, todo bom sistema de segurança patrimonial deverá cumprir funções gerais de prevenção, a fim de que possa ser aplicado a qualquer organização. Contudo, algumas dessas funções podem ser mais (ou menos) relevantes para um ou outro caso, avaliação que deve ser feita antes da efetiva implantação. É preciso observar, portanto, as particularidades de cada situação, analisando os riscos e a respectiva necessidade de prevenção contra as seguintes possibilidades de ocorrências:
1. Incêndios;
2. Furtos internos e externos;
3. Assaltos;
4. Atos de espionagem e concorrência desleal;
5. Violação de sistemas informatizados;
6. Atos de terrorismo;
7. Sabotagens e paralisações intencionais de processos;
8. Chantagens;
9. Greves violentas;
10. Uso de álcool e drogas no ambiente de trabalho;
11. Epidemias e contaminações coletivas;
12. Acidentes, explosões e desabamentos;
13. Sequestros de dirigentes (ou de seus familiares).

Ler 532 vezes Última modificação em Quinta, 30 Maio 2019 15:13

Facebook

Localização

Contato

MULTIFORTE SEGURANÇA

Rua General Rebello, 508
Duque de Caxias
Cuiabá - Mato Grosso
Cep. 78043-249

Telefone: (65) 3054-4456
Celular: (65) 98429-0110

ENVIAR CURRÍCULO